segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

A CORRETA BASE DA UNIDADE

Cl 3:11 - .....Cristo é tudo em todos...........

Gostaria antes de iniciar este, fazer uma breve consideração a respeito, uma vez que tal tema é fácil de ser mal compreendido, e por isso pode gerar doutrinas diversas assim como as já existentes que tendem a ser exclusivistas, e por isso, geram a todo momento uma nova denominação, ampliando cada vez mais as barreiras e o distanciamento entre os santos membros do corpo de Cristo uns dos outros, e isso, digo em relação a todos os membros espalhados pela face da terra e não somente dos que se reúnem nos diversos grupos individuais e por isso exclusivistas. Tais doutrinas são barreiras para o entendimento amplo da base da unidade da igreja que é Cristo, este tema requer muita misericórdia do Sr. e de sua graça para que possamos humildemente nos posicionarmos adequadamente com cristãos que somos, amarmos todos os membros do corpo, independentemente de se reunirem conosco ou não.
Toda denominação provém de uma doutrina fora a dos apóstolos e por isso mesmo é religiosa. Ser denominacionado requer que se observe a prática de determinado grupo religioso. Para denominar-se alguma coisa é necessário adotar uma base doutrinária que lhes sirvam de sustentáculo, estas devem ser lógicas, racionais e possuir um mínimo de elementos bíblicos, sem os quais seria rejeitada de imediato pelos cristãos; tais doutrinas abordam um contexto religioso, ou seja, dentro de dogmas já existentes em que religiosos impulsionados por motivos diversos criam ramificações de crendices pré-existentes e por elas se enveredam e carregando diversos outros membros cativos consigo, é o que a bíblia chama de aprisco, dos quais o Sr. Quer nos tirar (Jo10:16).
As doutrinas religiosas intensificam-se à medida em que se ache de certa forma em consonância aos fundamentos de tal credo, onde deve haver um escrito-guia ou manual. Ao abordarmos o tema "A correta base da unidade", em relação ao cristianismo, diga-se de passagem, não ter absolutamente nada haver com religiosidade, apesar de o ser confundido na maioria das vezes, a frágil doutrina que tenta impor uma mística e terrenal "base" para a igreja, é cem por cento fruto de falta de luz, que desconsidera diversos versos bíblicos, pois estes, a negam de todas as formas, por isso, tal doutrina é por si só é auto-condenatória, depõe contra sí mesma, pois opõe-se diretamente ao seu próprio criador, a pessoa de seu Deus, pai e Cristo que afirma ser " tudo em todos". Diante tal negação, vê-se claramente que a brecha que dá margens à criação de mais um doutrina particular, e esta materializa o pensamento doutrinal de seu líder "terreno" e a partir daí, dar-se a criação, manutenção e quem sabe o crescimento de mais uma denominação, não pode ser levada a sério por cristãos saudáveis que laboram na palavra e não são levados pra todo lado por ventos de doutrinas diversos (Ef4:14).

Prestemos atenção aos textos a seguir:

Ef 2:23 - A igreja é o corpo de Cristo
ICo 3:10 - 15 – Paulo, como sábio construtor, pôs o fundamento.....e que este é Cristo.
Qual é a base, ela realmente existe??? Se ela realmente existe onde estaria??? Sabemos que o fundamento é Cristo, mas e a base ??
Gl 3:14 - ....pela fé.....recebemos o Espírito.
V26 - ....pela fé em Cristo somos filhos de Deus....

Cl 1:23- ......permanecer fundados/ alicerçados e firmes na fé.....

A fé aqui é claramente demonstrada como sendo a base onde deve estar alicerçada e fundamentada a vida da igreja. Esta fé é o próprio Sr. Que dentro de nós tem a função similar de útero espiritual onde Cristo está sendo formado em nós cristãos (Gl4:19). vejamos:

I Co 3:10-15 – O fundamento que é Cristo está em nós.....

Cristo é que é nossa fé, logo se Cristo é nossa fé, ele também é nossa base e nosso alicerce, assim, somente Cristo é, ele é o Eu sou, então Cristo é tanto a nossa base quanto a nossa estrutura/ alicerce. Somente a doutrina dos apóstolos que prega Cristo sendo tudo em todos é que pode nos fazer ser um, a doutrina dos apóstolos não gera denominações e nem pensamentos exclusivistas que dividem o corpo. Somente Cristo pode unir os vários membros de seu corpo, qualquer outra coisa tal como uma doutrina particular ou que apresente Cristo parcialmente só tende a dividir o corpo, e prova disso, é que tais membros excluem os demais e não sentem a necessidade de buscar comunhão, pois por meio de seus guias, são induzidos a evitar tal contato, pois sabem que comunhão trás luz e a luz vindo suas obras particulares podem ser expostas.
Cl 1:26 – Este Cristo está sendo fundado em nossa fé, ou seja, em nós, assim, a base da vida da igreja são os crente em que Deus habita, neste sentido destrói-se verdadeiramente toda a estrutura de fronteiras entre os cristãos e impede-nos de alguma forma direta ou indireta nos denominacionar, ou sermos denominacionados.
Quando Cristo é tudo em todos não procuramos partidos ou mesmo aceitamos ser atrelados a nenhuma organização, queremos Cristo como nossa base, fundamento, material e construtor, é assim que poderemos ser chamados cristãos (At11:26), sem nenhum fermento ou má interpretação bíblica; o verdadeiro cristão não reconhece na vida da igreja nada além de Cristo, pois nada ou ninguém pode substituir Cristo que tudo é e em todos em nossa vida, assim, vamos direto á palavra e o próprio Sr. nos instrui por meio de seu Espírito, quando cada parte, aí sim, pode funcionar como convém, todos ganhando encargo da palavra, leitura Bíblica, o profetizar, guardar os santos, cuidado mútuo etc... todos somos responsáveis e todos nos alegramos no Sr. Jesus, não existindo a pessoa física do sacerdote único pois todos servimos igualmente no Santo dos Santos como reino e sacerdotes ungidos (IJo2:20;27 – a unção que recebemos nos ensina todas as coisas) pelo Sr. Que somos (Ap1:5-6).
Edificar é gerar interiormente o Cristo, que está plantado como uma semente em nós.
IJo 3:9 – Cristo esta plantado como a semente de Deus em nós.....
Gl 4:19 – Cristo está sendo formado em nós.....
Ef 4:15 – Temos de crescer em Cristo....
Fp1:1-9 – Temos de crescer em vida......
Cl 1:27 – Cristo em nós a esperança da glória.....
At 4:12 – Não há outro nome pelo qual importa sejamos salvos........
Gl 2:19-20 - ...já não sou eu quem vive mas Cristo vive em mim....
2Co13:5 - ...Cristo está em nós....
Rm 7:6 – somos libertos para servir no novo modo, no espírito...
Rm 1:9 – servir em meu espírito...
2Co 3:6 – O Espírito vivifica...
ICo 6:17 - ...unir-se ao Sr. é ser um espírito com Ele....
Ef 1:22-23 – A igreja é corpo de Cristo...
ITm 3:15 – A igreja é a casa do Deus vivo.....
At 7:48 – Deus não habita em templos feitos por mãos humanas.............

Ef 3:17 – Cristo habite pela fé em nossos corações, que estejamos arraigados e fundamentados em amor.....

Sabemos que a base de alguma coisa é o próprio lugar onde você a coloca, aquilo é a base. Quanto à igreja, nossa base é Cristo, o autor e consumador de nossa fé, Cl 1:23- ......permanecer fundados/ alicerçados e firmes na fé..... alguns podem dizer que a base da igreja deve ser a doutrina que segue, ou o terreno onde a igreja se encontra, lembramos que tal doutrina por negar Cristo que tudo é, é demoníaca pois tende a desvalorizar o que Cristo fez e é para a sua igreja e corpo. Tal turva visão é uma brecha para o surgimento de mais uma doutrina exclusivista que só propicia mais uma forma doutrinal de promover a divisão do corpo, onde seus membros são mantidos em cativeiro, recebendo uma dieta alimentar de alguém que diz ter ruminado e regogitado/ vomitado tal suprimento, que só lhes garante o mínimo de todo um suprimento infindável que é Cristo, não lhes proporcionando a riqueza que Cristo é; os seguidores de tal doutrina são impelidos a evitar a comunhão com demais irmãos e membros do corpo, pois se sentem edificados em sobre a areia, temem o alimento sólido do Espírito (Hb5:12-14), não se sentem capazes e nem necessitados de uma comunhão saudável (Ico3:1-9), pois lhes falta a liberdade que o Espírito dá, esta situação os convergem a Laodicéia que não se sente necessitada de mais nada, está satisfeita com o que têm e rejeita o Espírito, apesar de estarem fracos.
Mt16:13-18 - ....tú és o Cristo....e sobre esta pedra edificarei a minha igreja.....
At 7:49b - .....que casa me edificareis??? Diz o Sr....
At 20:32 - ....é Deus quem, pode idificar-nos.....

Rm15:20 - ..... não edificar sobre fundamento alheio.....

Se dermos sequência na edificação sobre fundamento alheio poderemos incorrer no erro de edificar fora de Cristo, que não gera Cristo em ninguém, nos tornando estéreis, Obs: a maioria dos santos que comungam esta doutrina não possuem frutos. Ter a fé fundada em alguma coisa qualquer que não seja Cristo é heresia, e se Cristo não for nossa fé, ou seja, nossa base, equivale a estarmos edificando com madeira, feno e palha sobre areia, que não resiste ao vento impetuoso do espírito (At 2), que vêm nos dar poder para a pregação do evangelho e nem ao fogo consumidor no teste do Sr. quanto à nossa obra como membros. Toda doutrina que não seja a dos apóstolos ruirá na presença do Espírito Santo.
Hb 3:3 - ...o edificador tem mais honra que a casa....
V4 – O que edificou todas as coisas é Deus
Hb7:19 - ...a lei nunca aperfeiçoou coisa alguma ....
Embasar-nos na velha aliança para afirmar que por causa de Jerusalém ainda temos de considerar o terreno físico como a base para a o viver prático da igreja hoje na era do Espírito é um enorme engano e heresia, Cristo é nossa Jerusalém espiritual, hoje a igreja nada tem haver com coisas físicas. A unção do Sr. vem sobre sua própria cabeça até alcançar-nos, seus membros, esta unção é benção do Sr. o orvalho corresponde ao lugar de habitação, hoje Deus habita nos corações dos seus fiéis. Tanto a unção quanto o orvalho nos vêm por meio da graça que também é Cristo. O Espírito é a própria unidade e podemos mantê-la pois já o possuímos(Jo17:11; Ico12:3). A unção e o orvalho são para o corpo de cristo, em nada tem haver com o aspecto localista, quem está em Cristo nova criatura é, e desfruta automaticamente por meio da graça, tanto da unção quanto como do orvalho, que são atributos de cristo, O Ungido.
Não nos basta queremos edificar sobre a base adequada que é o próprio Sr, como nossa fé, mas também temos de estar edificando com Cristo como o fundamento e materiais adequados, ouro, prata e pedras precisosas, e também com Cristo como O prudente construtor, desta forma Cristo é tudo em todos, Ele é tanto a base pela fé, o fundamento, a estrutura e também é O prudente construtor, Cristo é tudo, é o terreno, é o material e é o administrador.
Nesta forma Bíblica de vermos a vontade de Deus, podemos afirmar que: As divisões são provenientes da falta de uma visão pura sobre o Cristo que tudo é, tais crentes preocupam-se com a condição da igreja, as práticas, as doutrinas e o terreno físico (cidades), sem contudo ver que Cristo é tudo e todos. Este cristo todo inclusivo e não exclusivo, é o Cristo o qual os verdadeiros adoradores buscam com um coração puro e Deus os abençoa.
Se crescemos em vida deixamos as doutrinas de dissensão e discriminação, nos apegamos a Cristo e chegamos à unidade da fé, que só Cristo pode nos levar(Jo17:11-26). A igreja em Cristo é que é a expressão prática da igreja e não devemos insistir em nada além de Cristo como nossa fé.
Rm 14: 1-6 – Para mantermos a unicidade do corpo de Cristo, devemos ter atitude liberal para com os outros sobre questões gerais de discordância.
A unidade da igreja não é nada mais que o Deus triuno, o próprio Deus em seus três aspectos, Deus pai, filho e Espírito Santo dispensando-se para dentro de nós para que unindo-nos para formar seu corpo.
2Co 5:17 - ....se alguém está em Cristo, é nova criatura....
Onde Vc cristão está fundamentado ???? em Cristo que tudo é, ou numa doutrina que tende a inibir o real campo de atuação do Sr. Jesus??? Esperamos que todos os santos pela face da terra tenham em mente que o Sr. é tudo para nós, é nossa fé, é nossa base , é nosso fundamento, é os materiais que edificam, é tudo em todos, não só em algum lugar ou em alguns.
Só Cristo pode unir seus muitos membros espalhados pela face da terra, sem a base que é Cristo esta união permaneceria uma utopia, pois somente Cristo em suas diversas formas de manifestação é capaz de unir-nos, nada além de cristo une os seus muitos membros espalhados pela face da terra, só em Cristo que tudo é temos condições e liberdade do Espírito para chegarmos à unidade do corpo.
Devemos estar abertos a comunhão com todos os membros do corpo sem rejeitar nenhum, só Cristo nos interliga, ao passo que as doutrinas, sejam elas quais forem, só tendem a dispersar os membros do corpo, as doutrinas fora a dos apóstolos só podem dividir, nunca servirão para unir os vários membros do corpo espalhados pela face da terra.
Gl6:15 – em Cristo nem a circuncisão e nem a incircuncisão tem valor algum, mas sim o ser nova criatura.
A nova criatura não compactua em perpetuar a divisão do corpo de Cristo, e o tema como sua única e universal base e fundamento.
Hb 3:1 – Santos irmãos .......considerai a Jesus, o Apóstolo e Sumo Sacerdote da nossa confissão.

10 comentários:

  1. Eu tô fundamentado no Hélcio... Pra quê se preocupar com o resto?

    ResponderExcluir
  2. Gostei do comentário do Anônimo!!

    ResponderExcluir
  3. Irmão negue a vida da alma... o Senhor é aquele que tudo vê.

    ResponderExcluir
  4. Eu tô fundamentado no Dong... então minha base tá correta.

    ResponderExcluir
  5. Que nada! Todos estão errados. Os certos são quem está com a LSM!!!!!

    ResponderExcluir
  6. fazer o que se o que o Hélcio defende é aquilo que a Bíblia defende? Agora se quem quer seguir o que o Senhor diz virou "seguidor de hélcio" ,paciência. Seguidores de Dong.

    ResponderExcluir
  7. O tempo provará se o que o Hélcio está defendendo é, realmente, o que a bíblia defende. Satanás usa a bíblia para traçar estratégias, se não vejamos:

    Mateus 4
    1 Então o Espírito Santo levou Jesus ao deserto para ser tentado pelo Diabo.
    2 E, depois de passar quarenta dias e quarenta noites sem comer, Jesus estava com fome.
    3 Então o Diabo chegou perto dele e disse: —Se você é o Filho de Deus, mande que estas pedras virem pão.
    4 Jesus respondeu: —As Escrituras Sagradas afirmam: “O ser humano não vive só de pão, mas vive de tudo o que Deus diz. ”
    5 Em seguida o Diabo levou Jesus até Jerusalém, a Cidade Santa, e o colocou no lugar mais alto do Templo.
    6 Então disse: —Se você é o Filho de Deus, jogue-se daqui, pois as Escrituras Sagradas afirmam: “Deus mandará que os seus anjos cuidem de você. Eles vão segurá-lo com as suas mãos, para que nem mesmo os seus pés sejam feridos nas pedras. ”
    7 Jesus respondeu: —Mas as Escrituras Sagradas também dizem: “Não ponha à prova o Senhor, seu Deus.

    Quem pode me dizer quem está certo?
    Eu prefiro estar junto dos irmão da minha localidade a seguir os pensamentos/argumentos de uma única pessoa, a qual tem se demosntrado um GLADIADOR para as suas próprias causas.
    De estratégia o Hélcio entende muito bem, já de defesa dos interesses do Senhor, tenho muitas dúvidas...

    ResponderExcluir
  8. Amado irmão, não devemos seguir homens e sim o Senhor. Se a unção interior te dá paz para ficar onde esta, o melhor a fazer é ficar. Não deve ser uma questão de preferencia. Mas se algo esta incomodando, vai diante do Senhor e ele te mostrará o caminho sobremodo excelente.
    Jesus é o Senhor.

    ResponderExcluir
  9. As pessoas tem mania de dirigir a situação toda para o Hélcio. Ele nunca pediu que ngm concordasse com ele. Fez quem tinha o mesmo sentimento. Da mesma forma que ngm é obrigada a seguir o que o Dong diz. Só ouvem o que um lado tem a dizer, o que um unico lado acha, e toma aquilo por verdade absoluta. Justiça ao menos, seria bom.

    ResponderExcluir
  10. não meu interesso se o Helcio está certo ou não. O que ele fez e diz é problema dele com Deus, eu não tenho nada haver com isso. Agora que o Dong e seus seguidores estão cegos isso é óbvio.
    seguem uma liderança papal, em uma hierarquia eclesiástica, se dizem que são a igreja se excluindo de todo o corpo de Cristo, só lêem material de uma editora e apenas Dong yu Lan pop star dita as regras. O helcio pode estar mt errado, mas que a Arvore da Vida é uma seita todo mundo sabe, menos seus seguidores, CLARO. Eles podem negar mas não podem provar com a bíblia e com a razão de que não são uma seita. Afinal usar a razão entre eles é pecado e questionar seu papa tb é pecado, logo eles usam apenas a fé para sustentar o papado de Dong yu Lan. IDOLATRIA

    ResponderExcluir